Homens podem ter estrias?

Muita gente ainda desconhece o fato de que homens também podem ter estrias. Pois é, esse problema que, para muitos, é exclusivo das mulheres, na verdade, é até bem comum surgir em homens, principalmente, entre aqueles que praticam musculação.

Quem é mais atento, já deve ter visto homens, em academias, praticando exercícios exibindo estrias nos braços e no peitoral, e isso se deve ao aumento de massa muscular muito acelerado.

Também, é possível observar o surgimento de estrias no caso de homens que ganharam peso muito rápido, ou no caso de crescimento repentino, comum na adolescência.

A boa notícia é que tem como minimizá-las, sendo muito importante começar o tratamento o mais rápido possível.

Estrias nos braços

A estria nos braços é mais comum em homens que malham ou fazem algum tipo de atividade física, visando aumentar, ou ganhar, músculos nessa área, acontecendo a hipertrofia, que nada mais é que o aumento de massa muscular dos bíceps. Pois bem, o problema é que esse crescimento acaba tencionando a fibra responsável pela elasticidade da região, provocando, então, as lesões de estria.

Estria feminina x Estria masculina

Estria é a ruptura da fibra elástica, que acontece quando ela é esticada além do que pode suportar, e tanto faz se é no homem ou na mulher, o processo é o mesmo, a fibra esticou além de seu limite.

Quando está ainda no início, a estria é avermelhada, ou arroxeada, podendo, em alguns casos,  ser levemente elevada. Já, quando a estria é mais antiga, ela tem a cor branca e, as vezes, pode apresentar um certo enrugamento.

Como tratar as estrias

Para melhores resultados, o ideal é começar a tratar a estria assim que ela surgir, e sempre com acompanhamento médico, não esperar que chegue à cor branca, bem mais difícil de tratar, ao perceber o primeiro sinal de estrias, já vale a pena passar o creme Silk Skin na pele para amenizar sua aparência imediatamente.

Uma boa forma de prevenir o surgimento das estrias é procurando manter o corpo sempre hidratado.

Como muitos homens resistem á tratamentos tópicos, como passar cremes e certos hidratantes no corpo, a dica, então, é apostar em hidratantes específicos para o banho, que não deixam a pele pegajosa e podem ser enxaguados.

Outra forma de prevenir, é apostando num planejamento de ganho de massa muscular, para que não seja muito abrupto e influencie no aspecto da pele. O que adianta um corpo todo sarado e cheio de estrias, não é mesmo?

Tratamentos para cada tipo de estria

Os tratamentos para os diferentes tipos de estria não se diferenciam muito, sendo um dos processos em comum o laser fracionado.

No caso das estrias, ainda vermelhas, costumam ser indicados os infravermelhos, a luz intensa pulsada e o ácido retinoico. Lembrando que as estrias mais recentes são mais fáceis de tratar, e a cor indica que ainda há circulação sanguínea, o que já não acontece com as estrias brancas.

Já, no caso das estrias brancas, por exemplo, a função do laser fracionado é melhorar a textura da pele. Há também  os tratamentos carboxiterapia e radiofrequência.

Por fim, não tente se automedicar sozinho, para saber qual é o tratamento ideal para o seu caso,, consulte um dermatologista.

Aposte em sucos detox para emagrecer
8 frutas que deve evitar se quiser perder peso

Leave a Reply