5 alimentos naturais para tratar impotência sexual

Gostaria de saber se alguns alimentos podem ajudar a combater a impotência sexual? Quer saber quais são esses alimentos? Então, continue lendo esse artigo.

A impotência sexual é um distúrbio que tira o sono de muitos homens e embora costume aparecer após os 5º anos, ela pode acontecer em qualquer fase da vida, e por vários motivos.

A boa notícia, no entanto, é que apesar das causas poderem ser de vários tipos, geralmente, a impotência tem cura.

E mais, com a medicina tão avançada como a de hoje, ao se descobrir a causa, muitas são as possibilidades de tratamentos. 

Principais opções de tratamentos para impotência

Como foi dito, a impotência pode ser tratada de diversas formas, já que o tratamento vai depender da causa do problema. E  as principais opções de tratamento são:

  • Remédios: desde o famosso Viagra até o S Control, já existem muitas opções para ajudar na ereção;
  • Terapia de reposição hormonal: pode ser á basede cápsulas, adesivos ou injeções, visando aumentar os níveis de testosterona;
  • Aparelhos a vácuo: indicados para homens que não podem fazer o tratamento com remédios;
  • Cirurgia para implantação de prótesespenianas: último recurso, utilizado apenas quando os demais tratamentos não apresentam resultado.

Vale considerar que em alguns casos, além dos tratamentos citados, é indicado o aconselhamento com um psicólogo ou psiquiatra, ou mesmo, uma terapia de casal, que ajudam a tratar problemas como estresse, ansiedade, insegurança e depressão que possam contribuir ou  estar sendo o resultado do problema.

Mas, não só a medicina pode ser usada no combate ao problema, a própria natureza pode dar uma ajudinha! 

Principais alimentos naturais que ajudam a combater a impotência

Não é de hoje que alguns homens apelam para determinados, e já bem conhecidos, “remédios caseiros” e naturais na hora de tratar a impotência sexual, dentre eles podemos destacar os seguintes:

1 – Raiz de Catuaba – a catuaba é uma raiz poderosa na hora de aumentar a libido, melhorando o desempenho sexual. Os especialistas, no entanto, recomendam a versão da raiz em chá,  para que todas as suas propriedades  sejam devidamente absorvidas pelo corpo.

2- Marapuama:  conhecido por melhorar a circulação sanguínea, assim, o chá de Marapuama acaba ajudando a aumentar tanto o desejo sexual como a libido, sendo uma ótima opção de tratamento.

3 – Tribulus Terrestris – O chá dessa flor (principalmente das folhas), ajuda a aumentar a produção de testosterona, por isso, é bastante utilizado para aumentar a libido e combater a impotência sexual.

4 – Alecrim – o consumo do chá de alecrim é muito recomendado, e seus efeitos podem ser potencializados se misturado com a raiz da Catuaba, ou com Chapéu -de- Couro.


Ciclismo pode causar impotência sexual?

Muita gente se pergunta se existe alguma relação verdadeira entre o ciclismo e a disfunção erétil e a verdade é que essa questão já gerou muitos debates.

Para quem não sabe, a impotência sexual é um quadro no qual, mesmo com estímulos, o homem não consegue obter ou manter uma ereção que seja suficiente para ter uma relação sexual, muitos homens que sofre com esse problema acaba se desesperando porque não sabe que isso pode ser tratado usando o power blue que é um suplemento natural que combate a impotência sexual.

Pode ainda vir acompanhada de outros problemas que também atrapalham o contato íntimo, tais como perda de libido ou ejaculação precoce.

Causas da impotência sexual

A impotência pode ser causada por uma grande variedade de causas, mas entre as principais, podemos citar os danos em artérias, músculos, tecidos ou nervos que estão envolvidos no processo de ereção.

No entanto, 70% dos casos ocorrem por cauda de doenças, tais como alcoolismo crônico, hipertensão, doenças renais, diabetes, aterosclerose, problemas vasculares ou doenças neurológicas.

Vale lembrar ainda que o estilo de vida da pessoa também pode influenciar para o surgimento da impotência sexual, tais como obesidade, sedentarismo ou tabagismo.

Afinal, o ciclismo pode causar impotência sexual?

A verdade é que sim, o ciclismo pode vir a causar algum problema de impotência sexual.

O fato é que isso pode acontecer por causa de uma prolongada pressão nos que ocorre nos tecidos do períneo, que pode causar danos a alguns vasos sanguíneos que estão envolvidos no processo de ereção.

Isso ocorre especialmente quando se passa mais tempo em cima do selim e na mesma posição, aumentando a compressão da área.

Além disso, alguns fatores devem ser considerados, como de risco para o desenvolvimento desse problema, tais como:

  • Peso do ciclista, visto que quanto mais peso, maior será a pressão na área
  • Modelo do selim, visto que alguns deles oferecem um design para a descompressão da área do períneo.
  • A intensidade com que essa atividade física é praticada

Essa diminuição do fluxo de sangue no períneo pode causar sintomas como dormência, sensação de formigamento, dor e também a diminuição do fluxo urinário.

A parte boa é que esse tipo de sintoma costuma aparecer muito antes de que ocorra o início da impotência sexual. Sendo assim, é possível observar se a prática está mesmo causando algum tipo de problema, para que seja possível corrigir.

Por outro lado, se você não apresenta esses sintomas, pode ficar tranquilo pois é possível que não esteja lesionando o local e pode aproveitar o seu treino. Veja mais detalhes no vídeo abaixo:


O que é impotência sexual?

O pênis é composto de corpos cavernosos, que são como se fossem tuneis. Através de um estimulo, o fluxo de sangue é impulsionado e preenche estas estruturas, dilatando as artérias. Desta forma, através do sangue que é mantido no local o pênis se mantém ereto.

A impotência sexual é também conhecida como disfunção erétil. Ela é a incapacidade de manter a ereção necessária do pênis que permite a penetração no ato sexual.

Se esta incapacidade está ocorrendo em pelo menos 50% das tentativas é aconselhável procurar um especialista ou fazer o uso do tittanus que é um suplemento natural para melhorar a ereção e acabar com a impotência.

Apesar deste problema ser mais comum nos homens com idade entre 50 a 80 anos, pode acontecer em qualquer idade da vida sexual.

A impotência não afeta somente o desempenho sexual, mas também abala a saúde emocional e psicológica.

Quando pode ser considerado impotência sexual?

Para ser diagnosticado como impotente, o indivíduo precisa apresentar uma disfunção permanente. Uma falha pode ocorrer ocasionalmente com todos os homens em qualquer idade.

A impotência sexual também pode se referir a outros sintomas da sexualidade como falta de libido e ejaculação retardada ou precoce.

O termo disfunção erétil está mais apropriado quando o caso é de incapacidade de conseguir ou manter a ereção.

Sintomas da impotência sexual

  • Incapacidade de ter ou manter a ereção do pênis;
  • Ejaculação precoce;
  • Redução dos pelos;
  • Ereção flácida ou bem menos rígida;
  • Deformação ou alteração do órgão genital;
  • Diminuição do tamanho do pênis;
  • Dificuldade de manter a ereção devido alguma posição sexual;
  • Maior tempo para concentrar até obter a ereção.

O que fazer?

Em primeiro lugar é necessário um diagnóstico do problema. Muitas vezes o homem “falha” por uma situação aleatória e por desconhecer a causa acaba se diagnosticando como impotente sexual.

Como já foi dito, as causas para falhar são várias e você não pode por algumas vezes determinar que tem impotência sexual ou disfunção erétil.

Inicialmente tente ficar calmo e confiante. Procure opções naturais, remédios caseiros que podem atuar até mesmo como placebo.

Algumas opções de tratamento natural

  • Chá de chapéu de couro com alecrim.
  • Mel, guaraná e ginseng.
  • Chá de morango com catuaba.
  • Chá de casca de marapuama.
  • Chá de ginkgo biloba e tribulus terrestres.

Se você está interessado nesse assunto e quer saber um pouco mais sobre o que é a impotência sexual, veja mais detalhes no vídeo abaixo: